Aromaterapia: benefícios e como funciona

Aromaterapia: benefícios e como funciona

Se aproximar de uma paz anterior através de óleos e essências naturais? É isso que propõe a aromaterapia, que traz resultados significativos tanto para amenizar o estresse diário quanto para relaxar a mente e o corpo.

Aromaterapia traz benefícios comprovados

Qualquer tipo de atividade que saia da tradicional rotina e vise o bem estar consigo mesmo traz resultados em curto prazo. E não precisa ser nenhum expert no assunto para cravar tal informação. E com a aromaterapia não poderia ser diferente.

Como ótima opção aos estressadinhos de plantão surge o óleo de camomila romana. Pode ser facilmente encontrado em farmácias de produtos naturais. É o mais indicado para aqueles que buscam fugir da pressão diária. Basta umedecer um pano branco com ele e aplicar sobre a testa, deixando por um período de 30 a 40 minutos.

Também é possível massagear o corpo com o óleo de camomila. Tome um banho quente, deixe a casa em silêncio e aplique o óleo do pescoço até a barriga, pernas e braços. Deixe o ambiente o mais escuro possível e vá dormir. A ação desse tipo de óleo é quase que instantânea.

Para quem sofre com problemas de circulação e sente todos os dias aquela sensação de peso nas pernas, o óleo de limão-limão aparece como grande aliado no combate a tais sintomas.

Antes de dormir e após um relaxante banho, massageie toda a perna utilizando esse óleo. Essa massagem deve levar mais do que 10 minutos. Depois, repouse as duas pernas sobre um travesseiro ou almofada. Preferencialmente não saia dessa posição durante a primeira hora após a massagem.

A ação concentrada do óleo de limão-limão favorecerá a passagem do sangue pelos vasos, aliviando a tensão e aquele desconforto. Sem contar que o cheiro do óleo no ambiente contribui para acalmar o seu sistema nervoso.

O óleo de alecrim surge como ótima alternativa para aqueles que sofrem com problemas de bronquite, tosse constante, congestão nasal e também estresse. Tem uma poderosa ação expectorante, além de estabilizar o sistema nervoso central.

Seu óleo deve ser aplicado duas vezes ao dia, massageando o peito e as costas. Há pessoas que passam o óleo de alecrim também na parte externa do nariz, sob todo o contorno, para descongestionar. Também pode ser utilizado no banho, junto com seu shampoo diário, para auxiliar no tratamento da caspa e queda de cabelo.

Problemas digestivos também tem solução

O óleo de sândalo auxilia no combate a terrível azia, náuseas e vômitos. Pode ser inalado, de duas a três vezes ao dia, ou colocado no banho. Seu aroma tranquiliza tais sintomas, além de também agir no sistema nervoso central, deixando os ânimos calmos.

A prisão de ventre também incomoda, e muito. Mas com o óleo de mandarina esse problema tende a diminuir. Massageie os pulsos com esse óleo ou, ainda, inale sua essência por alguns minutos. Também pode ser colocado no banho. Sua concentração natural favorecerá o funcionamento não apenas do intestino, mas também de todo o organismo.

Cuidados naturais também precisam de atenção

A aromaterapia, assim como qualquer outro tratamento natural, necessita de cuidados e precauções. Principalmente de pessoas hipertensas, gestantes e que tenham algum problema cardíaco. Consulte o médico da sua confiança antes de começar algum tratamento.

Comentários

comentários

Veja Também:close