Características da Caatinga brasileira

Características da Caatinga brasileira

Características da Caatinga brasileira

A caatinga é o único bioma de origem restritivamente brasileira, ou seja, a grande parte da fauna e da flora existentes desta região encontra-se apenas no Brasil. O nome caatinga é oriundo do tupi e significa mata branca, pois em decorrência da estiagem, as plantas perdem a suas folhas e frutos coloridos, restando apenas troncos e galhos secos de coloração esbranquiçada.

No total são mais de 850 mil quilômetros quadrados de área de caatinga, representando, desta forma aproximadamente 10% do território nacional, estados como: Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Alagoas, Bahia, grande parte da região Nordeste do Brasil e ainda, pequenas regiões de Minas Gerais e também do Sudeste brasileiro.

Características da Caatinga

Quando se compara a caatinga com os demais biomas de características semelhantes é possível fazer uma analogia com a savana estépica africana, entretanto, por mais que estas sejam semelhantes, há diversos fatores que as tornam distintas, como o índice pluviométrico, a fertilidade do solo, os relevos e também a tipagem do solo.

A maior parte da flora desta região tem característica xerófila, ou seja, possui características que peritem que estas plantas armazenem água no seu interior, para desta forma, superar os períodos de estiagem, ao todo, cerca de mil espécies já foram catalogadas como oriundas da caatinga, havendo cerca de 2.500 plantas no total.

A fauna da caatinga é mais restrita devido há alguns obstáculos como os longos períodos de estiagem característicos desta região, entretanto, mesmo com algumas objeções, já foram catalogados cerca de 120 espécies de mamífero, 17 de anfíbios, 44 de répteis e 690 aves. Estes números já são bastante expressivos por se tratar de um bioma de origem nacional, entretanto, biólogos acreditam que nem 50% deste foi explorado de maneira íntegra e catalogada, ou seja, o acervo desta floresta é muito maior. Dentre as espécies de maior proeminência estão: o sagui de tufos brancos, o sapo cururu, a cutia, o preá, o veado catingueiro, a asa branca e o tatu peba.

No início da colonização do Brasil, acreditava-se que a caatinga brasileira era um bioma muito pobre em diversidade de espécies tanto de plantas como de animais por decorrência da extrema estiagem de alguns períodos, entretanto, a partir do século XIX, diversos estudiosos passaram a defender este bioma, alegando que nele se encontra a verdadeira identidade biológica brasileira, desta forma, existem diversas reservas de caatinga.

Tipos de Vegetação Existentes no Brasil

Além da caatinga, outros sete tipos de vegetação coexistem no Brasil, são estes: Mata Atlântica, Cerrado, Mata Amazônica, Campos Sulinos, Pantanal, Mangue e Mata das Araucárias. Cada uma destas detém as suas particularidades apresentando índices pluviométricos, fauna e flora característicos.

A Vida no Cerrado

A vida humana no cerrado é um tanto quanto complicada por causa da estiagem presente por um longo período no decorrer do ano, desta forma, as famílias precisam ter um planejamento muito bem organizado, ainda mais se estas sobrevivem de agricultura ou pecuária, pois estes sobrem influência direta do clima nas suas atividades rentáveis.

Comentários

comentários

Veja Também:close