Jurassic Park 3D: sinopse, elenco e estreia

Jurassic Park 3D: sinopse, elenco e estreia

Um dos maiores clássicos dos últimos vinte anos que também inovou no departamento de feitos especiais é Jurassic Park, de Steven Spielberg. Lançado em 1993, trouxe para a tela uma ideia de realismo impressionante com dinossauros que pareciam de verdade em um parque responsável por clonar as feras. Em 2013, o filme completa 20 anos, e foi lançada uma edição especial em 3D para que a sensação de temor diante dos dinossauros se torne ainda mais intensa. Além do novo efeito, diversas correções e melhorias foram feitos nos departamentos de som e imagem, adequando o filme aos padrões dos dias de hoje. No Brasil, Jurassic Park 3D estreia em agosto de 2013.

Um cientista consegue clonar diversos dinossauros para habitar o seu zoológico. Quando um dos trabalhadores do local é morto por uma das feras, o diretor do local decide chamar especialistas em segurança. Assim, chegam os doutores Ian Malcolm (Jeff Goldblum), Alan Grant (Sam Neil) e Ellie Sattler (Laura Dern). A série de desastres começa quando um programador do departamento de tecnologia, Dennis Nedry (Wayne Knight), secretamente trabalhando para rivais de seu chefe, desativa a segurança do local, deixando à solta todos os dinossauros.

Prêmios

O filme ganhou todos prêmios do Oscar aos quais foi indicado: Melhores Efeitos Visuais, Som e Mixagem de Som. O grande premiado daquela noite do Oscar foi outro filme pelo qual Spielberg concorria, A Lista de Schindler; este rendeu a ele os prêmios principais. No MTV Awards, foi premiado como melhor filme, melhor sequência de ação e melhor vilão (para o Tiranossauro Rex). Os atores mirins que interpretam os netos do diretor do parque foram premiados no Young Artist Awards. A trilha sonora do filme, composta pelo veterano John Williams, concorreu ao Grammy.

Legado

Até então, os efeitos especiais empregados pela maioria dos grandes filmes de Hollywood eram bem modestos. Em Jurassic Park, Spielberg conseguiu fazer o público acreditar que dinossauros de verdade estiveram no set, quando na verdade tratava-se de uma união de máquinas e computação gráfica. Tal tecnologia foi evoluindo ao ponto de permitir grandes revoluções em diversos gêneros do cinema.

Nas décadas seguintes, houve uma explosão de filmes que utilizavam intensamente os efeitos especiais para contar histórias fantásticas. O “empurrãozinho” tecnológico proporcionado por Jurassic Park pode ter sido direta ou indiretamente responsável pela viabilização de trabalhos ambiciosos como Harry Potter e O Senhor dos Anéis. O celebrado diretor Stanley Kubrick ficou impressionado com o trabalho de Spielberg em Jurassic Park e o contratou para ajuda-lo na produção de A.I. – Inteligência Artificial. Kubrick faleceria e Spielberg completaria o filme sozinho.

Elenco de primeira

Steven Spielberg reuniu um elenco de estrelas da época para o seu épico jurássico. Sam Neil era famoso pelo premiado O Piano. Para Jeff Golblum, Jurassic Park foi uma alavancada bem-vinda na carreira. Antes, era mais lembrado pelo trabalho em A Mosca. Depois, passou a fazer filmes do calibre de Independece Day. E Laura Dern vinha dos filmes de David Lynch, como Veludo Azul e Coração Selvagem.

Comentários

comentários

Veja Também:close