PIS 2014

PIS 2014

PIS 2014

PIS 2014

PIS 2014

PIS 2014

PIS 2014

PIS 2014

PIS 2014

PIS 2014

O cronograma de pagamento do PIS 2014 é o seguinte: Nascidos no mês de julho, poderão receber a partir do dia 13 de agosto, nascidos em agosto, poderão retirar o PIS a partir de 15 de agosto, nascidos em setembro, terão direito ao saque a partir de 20 de agosto, aniversariantes de outubro, poderão receber a partir de 22 de agosto, nascidos em novembro, poderão sacar o PIS a partir de 12 de setembro, nascidos no mês de dezembro, terão direito a sacas a partir do dia 17 de setembro, nascidos em janeiro, a partir de 19 de setembro, aniversariantes de fevereiro, podem sacar a partir de 24 de setembro, aniversariantes de março, podem sacar a partir de 10 de outubro, nascidos em abril, podem sacar a partir de 15 de outubro, aniversariantes do mês de maio, a partir do dia 17 de outubro e nascidos em junho, a partir do dia 22 de outubro.

O que é o PIS?

O PIS é um benefício social que distribuído a todos os trabalhadores que: estão cadastrados no PIS há, pelo menos, 5 anos, ou seja, o trabalhador deve ter se cadastrado antes ou no ano de 2009, o trabalhador deve ter recebido remuneração média mensal de até 2 salários mínimos no ano de 2013, o que representa um montante de, pelo menos, R$ 1.356,00, o trabalhador ainda precisa ter trabalhado, ao menos, 30 dias com carteira assinada no ano-base – que é o ano de 2013), ainda, a empresa deverá ter enviado as informações corretas do trabalhador para a RAIS 2013.

Quem tem Direito ao PIS?

Como o PIS é um benefício desenvolvido para trabalhadores, obviamente que para receber este benefício é necessário que o beneficiado seja um trabalhador e se atente a algumas especificações: ter sido remunerado com, pelo menos, 2 salários mínimos no ano anterior ao ano da retirada do dinheiro, ou seja, para retirar o benefício no ano de 2014, é necessário que o trabalhador tenha tido a contribuição de pelo menos 2 salários mínimos no ano de 2014, além disso, este precisa ter tido a carteira de trabalho assinada por, pelo menos, 30 dias no decorrer do ano anterior.

Outra questão imprescindível para que o trabalhador receba o benefício é a empresa contratante ter colocado todas as informações corretar no RAIS de 2013, essa é uma tarefa que depende exclusivamente da empresa, ou seja, não tem o que o trabalhador possa fazer caso esta não tenha o inscrito no RAIS de maneira correta, a não, é claro, orientar o cobrador a corrigir as informações, para depois receber o valor do PIS, o que pode vir a demorar alguns meses.

No Saque do PIS

No dia do saque no PIS, o trabalhador precisa levar consigo a carteira de trabalho, o número do seu PIC e a sua carteira de identidade, o PIS é retirado apenas na Caixa Econômica Federal. Sem estes documentos, não é liberado o benefício, portanto, separe-os corretamente para que haja equívocos.

Comentários

comentários

Veja Também:close